ATENÇÃO SERVIDORES ASSOCIADOS

NOSSO SINDICATO INFORMA QUE OS INGRESSOS PARA A FESTA DO PEÃO 2020 AINDA PODEM SER ADQUIRIDOS, ATÉ 19 DE FEVEREIRO/2020 MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE FORMA PARCELADA EM ATÉ 05 VEZES, COM DESCONTOS NOS VENCIMENTOS DE FEVEREIRO, MARÇO, ABRIL, MAIO E JUNHO.

PARA AQUISIÇÃO E PARCELAMENTO, O SERVIDOR ASSOCIADO DEVE DIRIGIR-SE ATÉ A SEDE DO SINDICATO, MUNIDO DA “CARTA MARGEM” FORNECIDA PELO DEPARTAMENTO PESSOAL DA PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE GUAÍRA-SP.

PARA ASSOCIADOS, O VALOR AINDA É R$ 100,00 (CEM REAIS), COM PARCELAMENTO EXCLUSIVO.

SERVIDOR SINDICALIZADO É SERVIDOR AMPARADO.

CAROS ASSOCIADOS, NOSSO SINDICATO FIRMOU UMA NOVA E IMPORTANTE PARCERIA COM A CLÍNICA FISIO PERSONAL

Na Fisio Personal o associado poderá obter os tratamentos oferecidos pelo Dr. Leonardo Muza Caligares, Fisioterapeuta e Educador Físico, Pós-graduado em Osteopatia, com formações em acupuntura auricular, liberação miofascial instrumental e ventosaterapia, CREFITO 3/254170-F.

As técnicas aplicadas pelo Dr. Leonardo promovem tratamento e alívio das dores com foco em problemas relacionados á coluna vertebral, fibromialgia, disfunções viscerais, disfunções de ATM, dentre outras.

São técnicas avançadas e eficazes no tratamento das dores e também para reabilitação em geral.

Para sessões de tratamento, associados e dependentes deverão marcar o horário na Clínica Fisio Personal e em seguida retirar a guia no Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, mediante apresentação da carteirinha.

Valor para Associados do Sindicato e dependentes: 30% de desconto, mediante retirada de guia de atendimento no Sindicato.

A Clínica Fisio personal está localizada na Avenida 21 nº 737, ao lado da Unimed Guaíra.

Contato pelos telefones: 3331 8852 99627-7712 98198-3010

Agende sua sessão e retire sua guia para atendimento.

Sindicato dos Servidores Públicos e Fisio Personal: parceria em favor do bem-estar do servidor.

COMPRE OS INGRESSOS DA FAIG PELO SEU SINDICATO E AJUDE A APAE DE GUAÍRA

A causa é nobre. Como muitas pessoas sabem, nossa APAE atende quase 200 crianças e jovens no município, mas a entidade vem passando por dificuldades financeiras para manter suas atividades junto àqueles que mais precisam.

No último dia da FAIG, o Show da dupla Edson e Hudson será cobrado um ingresso no valor de R$ 20,00 cujo valor será revertido para várias entidades do município, no caso do nosso Sindicato, os valores arrecadados com a venda dos ingressos será integralmente revertido para a APAE.

Os ingressos podem ser adquiridos pelos associados com desconto em folha de pagamento, em duas parcelas.

Os interessados devem se dirigir ao Sindicato e adquirir seu ingresso para o último dia da FAIG 2019.

Além de ser uma ótima opção de lazer para toda família, você estará ajudando essa entidade que sempre proporcionou uma melhor qualidade de vida, com saúde e educação para nossos amiguinhos especiais.

Ajudar faz bem. Adquira conosco.

ATENÇÃO ASSOCIADOS DO SINDICATO, MARQUEM ESSA DATA: 12 DE OUTUBRO DE 2.019.

 

Além de ser feriado de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil e Dia das Crianças, os servidores associados do Sindicato vão comemorar, antecipadamente, o Dia do Servidor Público.

Teremos um delicioso almoço, show ao vivo, parque de diversões para as crianças, pipoca, picolé e doces, bem como distribuição de brindes e sorteios de prêmios.

E o melhor de tudo: associados e dependentes até 18 anos não pagam.

Não-sócios visitantes pagam R$ 40,00, sendo exigido cadastro prévio mediante apresentação por um associado responsável.

As bebidas serão vendidas no local.

Não haverá venda de ingressos na portaria.

A Diretoria do Sindicato já está trabalhando na organização desse evento grandioso, no qual todos os associados e seus familiares têm a oportunidade de confraternizar em um dia muito especial.

Mas fique atento, o prazo para retirada de ingressos se encerrará no dia 10/10/2019.

E tanto para a retirada dos ingressos, quanto para entrada no evento, será exigida a apresentação da carteirinha dos associados e dependentes.

COLÔNIA DE FÉRIAS EM PRAIA GRANDE – NOSSO SINDICATO AGORA TEM UMA PARCERIA PARA GARANTIR O LAZER DOS ASSOCIADOS!

Agora os associados do Sindicato contam com a Colônia de Férias “Firmo de Souza Godinho” em parceria com a FESSPMESP e a Federação dos Sindicatos da Saúde do Estado de São Paulo. Com excelente infraestrutura equivalente a de um hotel três estrelas, a colônia fica na Rua dos Sindicatos do bairro Cidade Ocian, a cerca de 300 metros da Praia Grande e possui uma estrutura que proporciona várias opções de lazer a você e sua família.

Facilidade na reserva, basta o associado procurar o Sindicato para maiores informações.

Consulte a tabela de valores:

Baixa Temporada

Hóspedes           Diária                                    Individual

1 Pessoa              R$ 215,00                            R$ 215,00

2 Pessoas            R$ 315,00                            R$ 157,50

3 Pessoas            R$ 358,00                            R$ 119,33

4 Pessoas            R$ 410,00                            R$ 102,50

5 Pessoas            R$ 450,00                            R$ 90,00

6 Pessoas            R$ 510,00                            R$ 85,00

Alta Temporada.

Hóspedes           Diária FESPMESP             Diária Individual

1 Pessoa              R$ 220,00                            R$ 220,00

2 Pessoas            R$ 325,00                            R$ 162,50

3 Pessoas            R$ 375,00                            R$ 125,00

4 Pessoas            R$ 422,00                            R$ 105,50

5 Pessoas            R$ 470,00                            R$ 94,00

6 Pessoas            R$ 550,00                            R$ 91,67

Procedimento:

01 – Crianças até 5 anos incompletos são isentos de diárias e refeições.

02 – Os valores das diárias incluem pensão completa (almoço, jantar e café da manhã).

03 – Início da diária: Entrada a partir das 10: horas. Saída até às 8:00 horas.

04 – A primeira refeição inclusa é o almoço.

05 – Vigência da tabela: 1 de Dezembro à 28 de fevereiro, para Alta temporada.

                                               1 de março de 2019 Até 30 de novembro de 2019, para Baixa Temporada.

06 – Caso o hóspede não puder comparecer deverá apresentar atestado e terá o prazo de 12 meses para usufruir da estadia.

07 – O Valor da perdia é de R$ 42,00 com permanência até ás 14:00 horas, incluso almoço.

08 – O Valor da pernoite é de R$ 32,00 com permanência até ás 20:00 horas, sem jantar, com café da manhã incluso no dia seguinte.

09 – Durante os feriados nacionais será cobrado o valor de alta temporada, mesmo o período sendo baixa temporada.

10 – O pagamento deverá ser realizado em até 15 dias antes do check-in, exceto, carnaval, páscoa, Natal e Ano Novo, onde o pagamento deverá ser feito com 30 dias antes.

ARRAIÁ DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS

 

A DIRETORIA DO SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS CONVIDA TODOS OS ASSOCIADOS E DEPENDENTES A PRESTIGIAREM A GRANDIOSA FESTA JULINA, O ARRAIÁ DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS.

TEREMOS COMIDAS TÍPICAS, CALDOS, DOCES E QUENTÃO A VONTADE PARA OS SERVIDORES SINDICALIZADOS QUE RETIRAREM SEUS INGRESSOS.
NO BAR DO CLUBE DE CAMPO SERÃO VENDIDAS BEBIDAS COMO CERVEJA, REFRIGERANTE E ÁGUA.
ENTÃO, ESPERAMOS TODOS NO DIA 12/07/2019, A PARTIR DAS 19H30, NO CLUBE DE CAMPO.

A TERCEIRIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA SERÁ O INÍCIO DA DESTRUIÇÃO DE UMA SOCIEDADE PENSANTE

A terceirização da educação, tanto pública, quanto privada tem o escopo de fortalecer empresários e se torna uma porta aberta para a corrupção nas instituições públicas. Toda forma de terceirização abre portas para a corrupção, e isso já ocorre com as terceirizações de limpeza pública, obras públicas, fornecimento de merenda, etc. Além disso, a terceirização no serviço público gera a precarização dos mesmos. No caso da educação pública, a terceirização faz com que ensino e o aprendizado sejam sacrificados pela economia gerada por contratação de mão de obra barata. Um professor concursado tem tanto sua capacidade, quanto seu conhecimento da matéria testados em uma avaliação de provas e títulos Já o professor terceirizado será contratado pelo baixo valor que receberá, e consequentemente, não há de transmitir com eficácia o conhecimento aos nossos filhos, tendo em vista que não o possui nem para si mesmo.

A terceirização do ensino seja ele infantil, básico, médio ou superior, em tempo integral ou em períodos preestabelecidos, afundará pouco a pouco nosso país, que já possui baixíssimo nível escolar, multiplicando o leque de analfabetos funcionais munidos de diploma. E o administrador que tentar terceirizar desde creches, até escolas municipais, pode ser chamado de cego e irresponsável, que não pensa na população de sua cidade.

O aprendizado deve ser baseado em um projeto escolar de ensino e aprendizagem, o qual difere e muito do processo industrial ou mercantil. As Creches, Pré-Escolas, Escolas, Faculdades e Universidades não podem ser confundidas com mercearias ou supermercados. O processo pedagógico depende da existência de atividades cognitivas, emocionais, afetivas e principalmente de interação, além de entrega de professores bem formados e selecionados por concurso público. E isso é impossível de se realizar com professores que servirão apenas para tapar buracos, pois a continuidade do ensino e o método utilizado serão excluídos do ensino com a tal terceirização. Só os idiotas, aventureiros e desinformados podem pensar que a educação pode ser tratada como um serviço qualquer. Ela é muito mais que isso, a educação é o alicerce que sustentará a edificação de cidadãos dispostos a estudar, desenvolver, pesquisar, ensinar e se tornarem pessoas que farão a diferença nas mais vastas áreas profissionais.

Todas as escolas públicas devem ter projetos, que se iniciam nas Creches, Cecons e Escolas Municipais para oferecer condições de uma boa formação acadêmica futura. A terceirização tem a simples tarefa de trocar pessoas por robôs, por vídeo-aulas, onde os alunos terão um professor sentado, que passará vídeos ou informará um site, onde cada aluno será como um simples usuário de um sistema, e não uma pessoa questionadora, que pode ter um diálogo razoável ou pode resolver questões afeitas às relações humanas e sociais. A ânsia por enxugar a máquina pública, especificamente, na área da educação gerará a chamada “economia burra”, onde o gestor público economizará dinheiro, mas arruinará o futuro das pessoas que compõem a comunidade de determinado município.

A terceirização de professores é nociva ao aprendizado. Um professor terceirizado é como uma peça de reposição, ou seja, vai para onde a empresa mandar, sem criar vínculos com seus alunos, sem a necessária interação com o restante da equipe escolar, ou seja, defenderá apenas o interesse da empresa, deixando os alunos, os pais e o restante da comunidade escolar totalmente abandonados. A didática, o caráter pedagógico bem como a postura cobrada dentro e fora da aula ficará de em segundo plano, e o que prevalecerá será o interesse meramente mercantil do empresário frente à demanda por mão de obra barata e sem qualificação.

A sociedade vai perder, e muito. Os efeitos positivos serão somente em prol da administração e do empresário, relegando-se o interesse público a pouco menos que nada. O administrador que fizer isso é um carrasco, e a sociedade que deixar isso acontecer está fadada a um amanhecer impregnado pela ignorância.

Rodrigo Soares Borghetti, servidor público municipal, advogado militante, graduado em processamento de dados e tecnologia da informação, Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Guaíra-SP.